Lista de Espera de Doutorado

Classificação a partir do Edital Interno de Processo Seletivo para Bolsas do Programa de Pós-Graduação em História Social da USP de 2021


O Programa de Pós-Graduação em História Social divulga a classificação dos candidatos a bolsas de Mestrado CAPES/CNPQ, válida a partir de 28/10/2021. A nota final resulta da média simples das notas da prova metodológica e do projeto de pesquisa obtidos no ingresso de 2021.

Aos ingressantes na modalidade cotas foram acrescidos 0,5 (meio) ponto na nota final, conforme decisão da reunião da Comissão Coordenadora de Pós-graduação/CCP, de 12 de agosto de 2021.

Os classificados com direito a bolsa devem ter nota final igual ou superior a 7,0 (sete).

Os critérios de desempate foram os seguintes:
I – Ingresso no Programa pela modalidade Cotas;
II – A média ponderada do histórico escolar de graduação para alunos de mestrado, e o conceito do histórico do mestrado para alunos do
doutorado, além da ausência de reprovações para ambos os casos;
III – Atualização do CV Lattes.

 
Lista de Espera
de doutorado
Classificação
Nome do Aluno Nota  Orientador Título do Projeto Status
1 Felipe Schulz Praia 9,3 Carlos Alberto de Moura Ribeiro Zeron “Indio libre” e “indio vago”: tutela, liberdade e estratégias políticas indígenas no Rio da Prata (1820-1876)  
2 Raíssa Alonso 9,1 Maria Luiza Tucci Carneiro A "Outra Alemanha" no Brasil e nos Estados Unidos: os intelectuais no exílio e o combate ao nazismo (1933-1959)  
3 Vinícius da Cunha Bisterço 8,9 Júlio Cesar Pimentel Pinto Filho O cinema de Hector Babenco e a representação da marginalidade social durante a ditadura civil-militar brasileira (1977-1980)  
4 Caroline Passarini Sousa 8,8 Maria Helena Pereira Toledo Machado As representações sobre a mulher negra escravizada no Brasil oitocentista: escravidão, gênero e abolição  
5 Pedro Ramos de Toledo 8,7 Luiz Bernardo Murtinho Pericás “Tão raro quanto corvos brancos.” Uma História do conceito de “Cultura Proletária” nas páginas da imprensa bolchevique (1911-1922)  
6 Rubem Rabello Maciel de Barros 8,7 José Geraldo Vinci de Moraes O enigma da Martins, a editora que sumiu no tempo  
7 Gustavo Maciel Sousa 8,6 Heloisa Maria Silveira Barbuy O Negócio das orquídeas: horticultura de luxo, comércio de flores, e a dispersão da flora brasileira na Europa. 1810-1914  
8 Jaqueline Martinho dos Santos 8,5 Elias Thomé Saliba Brancos e negros na imprensa popular paulista (1945-1985)  
9 Bruno Tavares Magalhães Macedo 8,3 Elizabeth Cancelli Obsoleto contemporâneo. O CD e a história social da MPB  
10 Fabio Melo Minervini 8,1 Nanci Leonzo Imigração, mediação e conflito: a atuação da agência de instrodução de imigrantes italianos de Angelo Fiorita no Rio de Janeiro (1888-1901)  
11 Matan Ankava 8,0 Elizabeth Cancelli (In)formando a metrópole: rádio e transformações urbanas em São Paulo, 1932-1964  
12 Ademir Schetini Júnior 7,9 Daniel Strum Redes sefarditas e centros de rejudaização: cristãos-novos entre a Bahia e a diáspora europeia no século XVIII  
13 Victor Sciré Queiroz 7,9 Marcos Antonio da Silva O soldado de uma guerra sem fim: Punisher e os combates para a proteção da América  
14 Paula de Castro Broda 7,8 Mary Anne Junqueira Make Mine Freedom: animação e propaganda nos Estados Unidos durante a Guerra Fria (1947-1962)  
15 Fernanda Affonso de André Jaber 7,7 Elizabeth Cancelli Assim falam os publicistas: a atuação das agências de publicidade brasileiras controladas pelas empresas de Hollywood entre 1947 e 1964  
16 Vinícius Augusto Andrade de Assis 7,6 Carlos de Almeida Prado Bacellar Fazer-se elite em São Paulo colonial: familia, hierarquia e sociedade (séculos XVIII-XIX)  
17 Laíza Santana Oliveira 7,2 Vânia Carneiro de Carvalho Cultura em tela, sujeitos em cena: a materialidade do universo digital e construção das masculinidades no funk paulista (1989-2017)  
18 Luis Pedro Dragão Jeronimo 7,0 Maria Aparecida de Menezes Borrego Urbanização e cotidiano: subsídios para uma história de São João da Boa Vista entre os anos de 1890 e 1920.  
19 Romário Ney Rodrigues de Souza 7,0  Sara Albieri A crítica à filosofia marxista da história: um estudo comparativo em Karl Popper e Raymond Aron